terça-feira, 25 de novembro de 2008

4ª Raid Internacional - 1º Badajoz - Caldas

A mesma vontade de fazer bem dos Organizadores, SCC e Mário Lino, motivaram cerca de 400 cicloturistas a participar em mais este evento que se tornou parte integrante dos calendários cicloturistas anuais, por mérito próprio, diga-se em abono da verdade.
Neste ano de 1985 o percurso para lhe dar um cunho diferente, foi invertido, ou seja, partia de Badajoz, pernoitava-se em Abrantes e terminava nas Caldas. Seguramente que esta alteração evitava alguma monotonia que eventualmente se tivesse instalado na caravana, pois era uma novidade. Assim no dia 18 de Maio de 1985 pelas 6 horas da manhã foi dada a partida de Badajoz. Não participei, recorro-me do que foi escrito na altura, quer pela Imprensa Regional, bem como por um Jornal Espanhol, que teceu os maiores elogios à Organização, não deixando de fazer uma retrospectiva, sendo até muita critica das Entidades Oficiais Espanholas que no 1º Caldas Badajoz primaram por alguma ausência., sendo o título do artigo “Uma Lição a Aprender”
De salientar que o Mário Lino foi homenageado pelo representante do Governo Espanhol com uma placa alusiva, reconhecendo o mérito a quem o merece e é da maior justiça.
Para nos situarmos no tempo, junto uma página do Jornal Expresso que coloca na primeira página aquilo que na sua óptica se passou de mais marcante nesse ano. Parece-me interessante fazer este enquadramento histórico, sendo de salientar que num ano o jornal aumentou 50%, tendo passado de 40$00 (0,20€) para 60$00 (0,30€) não sendo estranho a essa situação a inflação da época que rondaria, vejam bem, os 20% anuais. Quando hoje falamos numa inflação prevista para 2008 de 2,9% estes números parecem-nos estapafúrdios.

Clicar nas imagens para ver o pormenor
Enviar um comentário